(11) 5051-1924/ 0784 /(11) 5096-3384/5041-2434 / (11) 97515-3243 (vivo) Unidade Moema: contato@vetsupport.com.br | Unidade Zona Leste: contato2@vestsupport.com.br

“Final de férias, e o que mais desejávamos era um final de semana em Ilhabela com o nossa família reunida. Malas prontas, pé na estrada! Lá se foram 4 horas de viagem tranquila, com o Lord dormindo como de costume. Mas a tranquilidade passou assim que chegamos na balsa de São Sebastião. Dali para frente enfrentaríamos um dos piores momentos das nossas vidas. Lord começou a ficar ofegante, coração disparado, mas naquele momento pensamos: é o estresse de muito tempo no carro e a vontade de fazer xixi. Chegamos em casa, ele fez o xixi, bebeu água e deitou, mas sua respiração ainda continuava ofegante. Fomos deitar, pois já passavam das 2:30 da madrugada de quinta. E aí começou o nosso desespero e corrida contra o tempo. Lord passou a ter espasmos no abdômen e uma dor absurdamente forte. Encontramos nosso primeiro anjo, Ana, proprietária de um banho e tosa, que nos atendeu de madrugada e se colocou à disposição para nos levar até um possível veterinário 24h da Ilha. E lá fomos nós, rezando e pedindo para ele ser forte que tudo ficaria bem. Chegamos à clínica e, para o nosso desespero, o veterinário não era mais 24h, mas não desistimos e de tanto procurar conseguimos o celular particular e ele veio nos atender às 4h e alguma coisa da manhã. Foi então que encontramos o nosso segundo anjo, Dr. Denis. Começa então a consulta e os primeiros atendimento ao Lord. Durante a consulta Dr. Denis nos informou que não tinha recursos suficientes para realizar os exames que o Lord necessitava, mas que iria controlar a arritmia e a dor. Pediu que retornássemos pela manhã, às 8h, se o Lord ainda estivesse com muita dor, e às 10h se estivesse melhor. Longas – quase 4 horas – acompanhando cada respiração, suspiro e reação. Os espasmos foram embora mas a dor continuava. Retornamos ao consultório do Dr.Denis que nos disse: ‘Não quero estragar o final de semana de vocês, mas se fosse meu voltaria agora para São Paulo direto para o Provet para realizar exames que irei prescrever.’ Nós concordamos e assim fizemos. Voltamos, arrumamos a mala, passamos mais uma vez no consultório do Dr. Denis para termos certeza que ele teria condições de pegar estrada. Já em contato com a nossa querida veterinária, Dra Silvia Lara de Guarujá, relatamos tudo que estava acontecendo e ela nos acompanhou por telefone e mensagens, nos dando força e segurança. Sábado de manhã estávamos no Provet, pois sexta não havia agendamento para o exame que ele necessitava fazer – o ecocardiograma – este seria um encaixe e os demais já estavam agendados. Começou pela ultrassonografia e nela foi constatado uma pancreatite. Nesse momento um misto de felicidade, alívio e medo. Perguntamos à veterinária que realizava o exame se era tratável e ela nos diz que sim! Ufa! Pensamos. Lá vamos nós para o segundo exame: o raio-x. Nele nada foi constatado. Vamos ao eletrocardiograma, e aí vem o desespero, a arritmia estava muito alta, a veterinária para o exame e nos diz: ‘Ele vai para UTI’. O medo era gigante, as orações tomaram conta dos nossos pensamentos e pedidos… Foi então que conhecemos a Vet Support. Entregamos o nosso bem mais precioso para ser medicado. Com muito medo escutamos o quão grave era o quadro. Mais uma vez o desespero e o medo tomaram conta de nós. Mas ao mesmo tempo sabíamos que ele estava em excelentes mãos. A noite as notícias nos deixaram um pouco mais tranquilos, mas a angústia e o medo permaneciam, pois o quadro era muito grave. Domingo visitamos nosso pequeno pela manhã, ele havia comido, e já estava mais alegre. Retornamos a noite para conhecer o Dr. Rodrigo – cardio que acompanhou e hoje é o cardiologista do Lord. Uma conversa que ainda nos deixava preocupado, pois além da pancreatite a suspeita de um problema no coração foi constatado. Mais uma noite longe do Lord, ainda sem previsão de alta – passamos um final de semana longo e de casa vazia – mas na segunda cinzenta veio a melhor notícia, Lord estava controlado e teria alta. Voltamos para casa e até agora – uma semana depois – não nos cansamos de agradecer os anjos que Deus colocou em nosso caminho, pois sem eles e a equipe da Vet Suport, o nosso Lord poderia não estar mais conosco. Agradecemos infinitamente e recomendamos com todo o nosso coração o excelente trabalho realizado na clínica que nos conforta e salva vidas. Um super beijo da família Piacentini Rodriguez”.

Este foi o depoimento enviado pela Ceicilia Piacentini em nossa página do Facebook. Acesse aqui o texto original: https://www.facebook.com/cecilia.piacentini/posts/10205835984211620:0

No mesmo dia, recebemos a foto do Lord que, segundo Cecília, estava “com muuuiita preguiça – como sempre – curtindo o friozinho em casa com o seu combo: roupinha, almofadas e edredom”.

Lord cão paciente da Vet Support

<3